{Resenha} Maus

Art Spiegelman * 2009
Quadrinhos na Cia * 296 páginas

"Maus" é uma história em quadrinhos verídica que relata o que aconteceu com Vladek Spiegelman, pai do autor deste livro, durante a Segunda Guerra Mundial. Este foi o primeiro livro em quadrinhos que li e o primeiro sobre a Segunda Guerra e a experiência foi muito legal.

Vladek era um judeu polonês que passou por muitas coisas, ele fez parte do exército que lutava contra os alemães, foi prisioneiro de guerra, viveu um tempo em Auschwitz (um Campo de Concentração para judeus, um dos mais crueis) e fez de tudo para sobreviver.

A história é contada em dois tempos, no começo de cada capítulo temos Art (o autor) chegando na casa de Vladek (seu pai), alguma coisa acontece e depois Vladek começa contar o que ele viveu durante a guerra. Não sei dizer se eu gostei mais das visitas do Art ou das narrativas de Vladek, ambas foram muito boas!

Este é um livro bem diferente, a ortografia dele não é "certinha", os verbos muitas vezes não estão conjugados e muitas regras de português são desrespeitadas, mas tudo isso é proposital para imitar o sotaque polonês da família do autor. No começo foi meio difícil de ler, mas me acostumei bem rápido.

As ilustrações me encantaram, elas são em preto e branco, mas tem bastante detalhes. O autor utilizou animais para representar os humanos na história: ratos (judeus), gatos (alemães), porcos (poloneses) e cachorros (americanos), gostei muito dessas metáforas.

Vladek durante a guerra foi muito esperto, mas passou por uns maus bocados, ele teve tanto ideias boas quanto ruins e conseguiu sobreviver com muita sorte! Nas visitas do Art ele já está mais velho, cheio de problemas de saúde, bem reclamão e avarento, mas mesmo assim gostei dele e ri bastante das suas manias!

Recomendo este livro para rodo mundo que gosta de História e quer aprender mais sobre a Segunda Guerra de uma maneira diferente e mais lúdica!

Beijos... Samantha Culceag.
Leia mais...

{Resenha} A Marca de Atena

Rick Riordan * 480 páginas
Intrínseca * 2012
"Ser um herói não significa que você seja invencível. Significa apenas que você seja corajoso o bastante para fazer o que é necessário."
"A Marca de Atena" é o terceiro livro da série Os Heróis do Olimpo, do autor Rick Riordan, essa série mistura mitologia Romana e Grega com os dias atuais.

Annabeth, Piper, Jason, Leo e o treinador Hedge acabam de chegar ao Acampamento Júpiter (dos romanos) à bordo do Argo II, um navio voador muito maneiro feito pelo Leo. Eles querem resgatar Percy que, devido a um plano arquitetado pela deusa Hera, foi acabar junto com os romanos, enquanto Jason, o pretor dos romanos (comandante do exército) acabou junto aos gregos.

O plano dos passageiros do Argo II é convencer os romanos (por meio de Percy e Jason) a ajudá-los a derrotar Gaia, que está despertando, mas as coisas acabam dando errado quando Leo é possuído por eidolons (espíritos do mal) e acaba atirando no Acampamento Júpiter com a balista do navio, o que faz com que Annabeth, Piper, Jason, Leo, Percy e seus dois novos amigos romanos Hazel e Frank (protagonistas de O Filho de Netuno, o livro anterior) fujam do acampamento enquanto são perseguidos por romanos furiosos que os chamam de traidores.

Agora a missão deles é ir até a Roma resgatar Nico (o irmão de Hazel) que foi aprisionado por Gaia e destruir dois gigantes que planejam acabar com Roma, sem falar na missão que Annabeth recebeu de sua mãe, Atena, aonde terá que enfrenter sozinha seu maior medo para honrar o nome da deusa.
"Mas Percy não se sentia poderoso. Quanto mais feitos heróicos realizava, mais se dava conta de suas limitações. Ele se sentia uma fraude. Não sou tão bom quanto vocês pensam, ele queria advertir os amigos."
Neste livro, a narrativa é feita em terceira pessoa com o ponto de vista alternado entre Piper, Percy, Leo e Annabeth, mesmo assim os sete semideuses da profecia tem papéis super importantes e, pela primeira vez todos aparecem, fiquei mega feliz quando percebi isso!

Mesmo com Leo sendo o "causador" da raiva dos romanos, é IMPOSSÍVEL sentir raiva dele, esse é o tipo de personagem que até se fizer a maior besteira do mundo terá o apoio do leitor. Como sempre, Leo Valdez me fez gargalhar tanto que até chorei, ele é um idiota! Em compensação, o livro também traz várias cenas de tensão.

O melhor personagem dessa história para mim é, sem dúvidas, o treinador Hedge, que como sempre ficou explodindo coisas e gritando "morram" para todos os monstros/inimigos que apareciam. Outra personagem que teve bastante destaque nessa história foi a Annabeth, nos sete livros anteriores, o leitor não teve muito acesso aos pensamentos dela, nem aos seus medos e inseguranças, nesse livro passei a ver um lado da personagem que eu não conhecia e gostei bastante de conhecê-la de verdade.

O Tio Rick arrasou descrevendo Roma, eu saí da minha cama e me materializei por lá de tão longe que a minha imaginação foi, faz tempo que eu não tinha tanta vontade de conhecer a Itália (e mais uma vez esse autor aumenta minha lista de viagens).
"Parques cortavam a cidade com uma louca coleção de palmeiras, pinheiros, juníperos e oliveiras, como se Roma não pudesse decidir a qual parte do mundo pertencia - ou talvez ela ainda acreditasse que o mundo todo pertencia a Roma."
O final desse livro é simplesmente desesperador, do tipo que você quer pegar o próximo volume imediatamente ou ter uma conversinha bem séria com o autor, com frases do tipo: "Como você pôde?", "Você é muito malvado", "Não acredito que isso aconteceu!".

Série Os Heróis do Olimpo

3- A Marca de Atena
4- A Casa de Hades
5- O Sangue do Olimpo

***

Muito, muito bom!
Beijos... Samantha Culceag.
Leia mais...

Meu Desempenho na Maratona Literária 4.0

Hey pessoal!
Ontem foi o último dia da Maratona Literária 4.0 que eu estava participando (post aqui) e hoje venho contar para vocês como eu me saí!


Minha meta era ler quatro livros, num total de 1.204 páginas, o que daria 172 por dia. Comecei bem, acabei o primeiro livro "A Canção de Alanna" em apenas um dia, mas logo no segundo de maratona não resisti e decidi acabar de ler "A Marca de Atena" do Rick Riordan, um livro que não fazia parte da minha meta, a partir daí me perdi totalmente no desafio e não consegui ler os quatro livros, apenas três deles.

Livros Lidos





Como disse, acabei essa leitura em apenas um dia, fiquei totalmente entretida na história e nas aventuras de Alanna! Adorei a determinação dela em conseguir alcançar seus objetivos e como ela foi evoluindo no livro, adorei as cenas de magia e achei que a narrativa é muito boa!

***





Quando fiz o post da maratona e disse que iria ler este livro algumas pessoas comentaram dizendo que eu iria amar e me encantar... Foi exatemente isso que aconteceu! Gente, o livro é maravilhoso e passa mensagens tão bonitas. Adorei o fato da narrativa em primeira pessoa ser alternada entre o Auggie e os amigos/conhecidos dele, pude conhecer os pensametos de todos!

***



Bem, esse foi o livro que atrasou a minha maratona, as letras dele são bem pequenas e ele tem bastante descrições, mas a leitura foi boa. Na postagem de abertura da maratona eu disse que ele era o último de uma trilogia e descobri da maneira mais difícil que não é uma trilogia e sim uma série que já tem 5 livros lançados no exterior, assim que virei a última página eu disse para mim mesma "Ué??? Isso acaba assim?", depois entrei do Goodreads e descobri que estava errada sobre ser uma trilogia!

***




O que faltou


O livro que eu não consegui ler foi "O Substituto", nem comecei a leitura, mas ainda estou com vontade de ler e preciso fazer isso imediatamente!

***

No total li 868 páginas, 124 por dia (mais algumas de "A Marca de Atena"), faltaram 336 para cumprir minha meta. No final até que não foi um fracasso total, o importante é que me diverti bastante lendo os livros, gostei dos três! Talvez eu participe de mais maratonas, adoro isso!

Beijos maratonistas... Samantha Culceag.
Leia mais...

{Resenha} A Escolha

Kiera Cass * Seguinte
2014 * 352 páginas

Confesso que até agora estou tendo uma relação de amor e ódio com essa trilogia, no primeiro livro “A Seleção” eu estava achando tando o Maxon quanto o Aspen super fofos, em “A Elite” fiquei com tanta raiva dos personagens por causa de um acontecimento, que não estava torcendo por mais ninguém, por esse motivo demorei tanto para ler "A Escolha", só decidi encarar este livro pois a editora lançou "A Herdeira", o quarto livro da série e fiquei morrendo de curiosidade para lê-lo!

O ponto positivo desse livro foi que a America não está mais confusa, muito pelo contrário, ela está mais decidida do que nunca sobre quem é o verdadeiro dono do seu coração. Mesmo comentendo algumas burradas de vez em quando, essa nova versão da America está bem melhor, nem parece a mesma do livro anterior.

Acho que este é o livro da série (até agora) em que os rebeldes de Illéa tem mais aparições, gosto do fato dessa história não ser focada apenas no romance, tem que ter perigos e problemas para deixar o negócio mais emocionante! Mas é claro que também tem partes repletas de amor e elas não deixaram nada a desejar!

“Não desejar a coroa talvez a torne a melhor pessoa para usá-la.”
Gostei muitíssimo dos personagens novos que apareceram nessa história e da forma que a autora encontrou para solucionar alguns problemas.

Estava com receio de não gostar do final pois havia recebido muitos spoilers, mas nem eles conseguiram estragar o livro, o único ponto positivo de receber spoilers é que você tem certeza absoluta que aquela coisa vai acontecer e sempre que tem uma reviravolta você se pega pensando "Mas como é que aquilo vai acontecer?",  no final das contas, acabei sendo surpreendida!
“Você disse que, para acertar as coisas, um de nós teria que dar um salto de fé. Acho que encontrei o abismo que devo saltar, e espero encontrar você à minha espera do outro lado.”
Mesmo que você tenha se decepcionado com "A Elite" assim como eu, vai em frente e leia "A Escolha", garanto que a autora evoluiu muito na escrita! Kiera Cass encerrou a história da America com chave de ouro!

Série: A Seleção 


A Seleção - Livro 1
A Elite - Livro 2
Contos da Seleção - Livro 2,5
A Escolha - Livro 3
A Herdeira - Livro 4 (resenha no Arquivo Passional)
***

Beijos... Samantha Culceag.
Leia mais...

Maratona Literária 4.0


Hey pessoal!
Decidi participar de uma maratona bem legal que está sendo organizada pelo blog Café com Blá Blá Blá, ela vai ocorrer entre os dias 11/07 e 17/07, a meta é a gente que faz, o objetivo é tentar ler mais livros do que você costuma ler.

Minha Meta:

1- O Substituto
2- Oksa Pollock e o Coração dos Dois Mundos
3- A Canção de Alanna
4- Extraordinário


O Substituto
Brenna Yovanoff
Páginas: 336
Editora: Bertrand Brasil

Esse livro está há bastante tempo na minha estante e a sinopse me chamou muito a atenção, então decidi colocá-lo na minha maratona e parar de adiar a leitura haha.

Oksa Pollock e o Coração dos Dois Mundos
Anne Plichota e Cendrine Wolf
Páginas: 296
Editora: Suma de Letras

Esse é o último volume da trilogia Oksa Pollock que eu quero terminar de ler faz tempo, gostei muitos dos dois primeiros volumes e acredito que com esse não será diferente!



A Canção de Alanna: A Primeira Grande Aventura
Tamora Pierce
Páginas: 256
Editora: Única

Estou muito animada para ler este livro, é de fantasia e a personagem principal é uma menina guerreira! Esse livro é muito a minha cara! Acho que vou adorar!



Extraordinário
R. J. Palacio
Páginas: 320
Editora: Intrínseca

Já li muitas resenhas de pessoas que amaram esse livro e disseram que ele é uma leitura obrigatória para todo mundo, nem preciso dizer que estou super curiosa para ler! Será que eu vou gostar tanto quanto os outros?

***

Bem, pessoal, essa é a minha meta para essa maratona, no dia 18/07 vou fazer uma postagem final falando sobre os livros que li e a minha experiência com a maratona. No total são 1.204 páginas, 172 por dia.

Para quem quiser participar, as inscrições estão abertas até 23h59 do dia 10/07 (hoje) nesse link. As regras você encontra aqui.

Beijos... Samantha Culceag.
Leia mais...